Indiferença para com Deus

Indiferença para com Deus

 

Lucas 15:16

Ali, desejava ele farta-se das alfarrobas que os porcos comiam; mas ninguém lhe dava.

Estamos diante de um dos versículos da parábola do filho pródigo, sendo a mesma bem conhecida no meio da cristandade; essa é a estória de um jovem que nasceu em uma família abastada e um dia cansou da vida que tinha e resolveu pedir adiantadamente ao seu pai a parte da herança que lhe era por direito. Assim foi feito, e o jovem precipitado gastou dissolutamente todos os seus bens vindo a trabalhar em uma pocilga; sendo que a necessidade era tamanha que chegou a ter o desejo de comer as alfarrobas que era dada aos porcos. Não se alimentou porque ninguém lhe deu.

Com este pequeno resumo está demonstrado à ingratidão que muitas pessoas usam para quem os ama; especialmente quem tem relação com Deus. Observe que os pecadores deixam de amar ao Senhor para se dedicarem ao diabo; vindo a trocar o bom pelo ruim.

A tendência dos filhos do pecado e levar as sujeiras de satanás; de forma que podemos comparar com o caminhão que recolhe o lixo de uma cidade, sendo uma obrigação rotineira do mesmo.

Muitas pessoas também optam por uma vida dissoluta sendo semelhante ao citado caminhão coletor; elas recebem toda carga negativa do ódio e andam frutadas, deprimidas e com raiva. Assim como o carro do lixo precisa descarregar em algum lugar; essas pessoas também descarregam a carga negativa nas outras, especialmente aquelas que não têm nada haver com a situação hedionda.

Quem é ingrato para o amor de Deus, acha que tudo é bom não existindo o pecado.

  • Às vezes agem por inocência;
  • Outras por malicia;
  • E na maioria das vezes por inspiração diabólica.

Notoriamente, o sábio Salomão foi enfático quando no Livro de Provérbios; citou:

Provérbios 14:12

Há caminhos que ao homem parece direito, mas ao cabo da em caminho de morte.

Para não entramos em um caminho de destruição sendo indiferentes, devemos manter uma intima comunhão com Deus para não cair nessa contradição espiritual. As veze pensamos que estamos bem, e fazemos tudo que dar na cabeça, e a realidade é que estamos vivendo um engano.

Jeremias 17:9-10

09 – Enganoso é o coração, mais que todas as coisas, e desesperadamente corrupto; quem o conhece?

10 – Eu, o Senhor, esquadrinho o coração, Eu provo os pensamentos; e isto para dar a cada um o seu proceder, segundo o fruto das suas ações.

Então, devemos está no centro da vontade do Senhor, para que Ele nos oriente durante toda a vida na terra; somente assim é que seremos gratos por todos os beneficio que temos recebido da sua imensurável clemência.

O profeta Isaias também deixou uma recomendação para os que loucamente ignoram o amor de Deus, e levam uma vida dividida achando que tudo é normal e não precisa restrição.

Isaias 5:20

Ai dos que ao mal chamam de bem e ao bem, mal. Que fazem da escuridade luz e da luz escuridade; pões o amargo por doce e o doce , por amargo!

Lamentavelmente, encontramos muitos que vivem desta forma; impões a filosofia vazia: “Tanto faz, como tanto fez!” ; “Tanto faz está com Deus, ou com o diabo”. Sendo apático a bondade do Senhor para com a humanidade.

A prova do que falo está demonstrado nos dias atuais, em que o mundo passa por uma inversão de valor. Isso é:

  • Alguns homens estão querendo ser mulher;
  • E muitas mulheres estão agindo como homem;
  • Encontramos até aqueles que se passa por animais, tatuando-se, implantando presas como feras e outros que colocam esferas, piercings e argolas no corpo para ficarem a imagem do diabo.

E nessa inversão de valores, também nos deparamos com os desonestos que ensinam aos homens a falta de escrúpulo e desonestidade. E tanto que há muitos anos atrás o sábio Rui Barbosa escreveu o seguinte pensamento.

“De tanto ver triunfar as nulidades; de tanto ver agigantar-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra e a ter vergonha de ser honesto”.

Infelizmente o nosso Brasil está enfrentando este inconveniente há muito tempo. Além de um grupo de políticos desonestos que temos no Congresso Nacional, também somos vitimados por uma forte idolatria da uma religião pagã que ensina os dogmas heréticos que sufocam o verdadeiro cristianismo e aponta para as imagens de esculturas dos padroeiros de cada cidade, além da mãe da nossa nação. Quando a Bíblia nos ensina a amar Deus e a Ele toda honra e gloria.

Salmo 33-12

Feliz é a nação cujo Deus é o Senhor, e o povo que Ele escolheu como herança.

Então para os que deixam o amor de Deus pela paixão profana e bestial; o Apostolo Pedro compara com um cão ou uma porca.

II Pedro 2:23

Com eles aconteceu o que diz um adágio verdadeiro: O cão voltou ao seu próprio vômito; e: A porca lavada voltou a revolver-se no lamaçal.

Temos um versículo que faz menção daqueles que tiveram um encontro com Jesus Cristo, e deixaram toda a idolatria; depois de um tempo voltou à mesma situação pecaminosa.

Uma coisa interessante acontece com o porco: É que podemos dar um banho, perfuma-lo, e ao deixa-lo à vontade, esse animal volta ao primeiro lamaçal que encontra e se deita até ficar totalmente encharcando de sujeira. Acontece porque a natureza dele é dessa maneira, adora lama e sujeira.

Com o pecador acontece algo semelhante; ao ter um encontro maravilhoso com Cristo, fica lavado e limpo dos pecados, e quando volta ao ambiente que lhe é natural, se envolve com todo o tipo de pecado ficando totalmente imundo diante de Deus.

Jesus mostrou um exemplo que está a essa situação.

Mateus 12:43-44-45

43 – Disse Jesus: Quando o espírito imundo sai de um homem, anda por lugares áridos procurando repouso, porém não encontra.

44 – Por isso, diz: Voltarei para minha casa donde sai. E, tendo voltado, a encontra vazia, varrida e ornamentada.

45 – Então, vai e leva consigo outros sete espíritos piores do que ele, e, entrando, habita ali; e o último estado daquele homem torna-se pior do que o primeiro. Assim também acontecerá com essa geração perversa.

Notoriamente, acontece porque muitos seres humanos recebem o amor e revelação da Palavra de Deus, vindo a purificar-se da maldade que existe dentro de cada um; e logo após volta a pratica deliberada de iniquidade. Então os demônios se apoderam e fica muito difícil de reencontrar a salvação, porque o segundo estado é pior do que o primeiro.

Quem abandonar o amor de Deus, que começa através da ingratidão, receberá consequências drásticas no mundo presente e na eternidade, de forma que esse não é o desejo do Senhor para com a raça humana; como prova da sua graça eternal, Ele nos abençoou com Jesus o nosso salvador. Que cada um de nós reconheça a misericórdia Divinal e mude de proceder para conseguir uma grande vitória .

 

Presbítero Robson Colaço de Lucena

Missão América

OTPB – 2219 – Ordem dos Teólogos do Brasil

 

 

 

Etiquetas:

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: