Archive for Julho, 2015

O Seu Valor

Julho 30, 2015

O Seu Valor

Diuturnamente encontramos com pessoas que estão sendo afligidas pela baixa estima; e passam todo tempo com pensamentos negativos, dizendo que não servem para nada, não são ninguém e estão vencidas.

A Bíblia Sagrada traz muitos temas que mostram o verdadeiro valor do homem diante de Deus.

Provérbios 30:24-25-26-27-28

24 – Estas quatro coisas são das menores da terra, porém providas de sabedoria.

25 – As formigas não são um povo forte. Todavia no verão preparam a sua comida;

26 – Os coelhos são um povo débil, e contundo, põe a sua casa na rocha;

27 – Os gafanhotos não tem rei, e contudo, saem, em bando se repartem;

28 – O geco que se apanha com as mãos; contudo está nos palácios.

Vimos quatro pequenos seres que parecem insignificantes; mas, fazem um trabalho de grande relevância na natureza.

Na Bíblia encontramos a simbologia do quatro:

  • Fala como base de sustentação;
  • Governo perfeito;
  • Os Evangelhos;
  • E controle absoluto.

Entendemos que Deus aproveita as pequenas coisas, para fazer grandes milagres. O Senhor não precisa de grandes elementos ou tecnologia para operar as suas maravilhas. De sorte que na simplicidade Ele chama os pecadores para um ministério especifico.

A sua revelação não é para os que não são arrogantes; mas para aqueles que abrem o coração para a operação do Espírito Santo.

Mates 11:25

 Naquele tempo, respondendo Jesus, disse: Graça te dou ó pai, Senhor do céu e da terra, que ocultastes essas coisas aos sábios e entendidos e as revelastes aos pequeninos.

E quantos desprezam esse dom celestial, subestimando em primeiro lugar ao Senhor, e em segundo a sua capacidade de exercer qualquer tarefa.

No Antigo Testamento encontramos um grande texto vaticinado pelo Profeta Joel.

Joel 3:10

Forjai espadas das vossas enxadas, e lanças das vossas foices; diga ao fraco eu sou forte.

Esse versículo é uma chamada para um cobate; que seja de ordem material ou espiritual. De forma que todos os dias somos assolados por muitos inimigos. E os dois mais ferozes são:

  • O diabo;
  • E a nossa natureza ou vontade.

Não é fácil lutar conta os nossos desejos, porque os mesmos provocam prazer para carne. Somente mediante a graça que há em Cristo Jesus, é que seremos vencedores.

Devemos saber que toda pessoa quando vem para a terra tem uma tarefa especifica, e ao sair desse propósito divinal nos depararemos com depressão e outros incômodos na alma.

Não existe ninguém mais importante que outrem diante de Deus; apenas aqueles que exercem uma missão mais difícil e espinhosa; como por exemplo: A profissão de um Juiz de Direito, Médico ou engenheiro é mais difícil que um vendedor. Os tais não podem cometer erro, porque certamente destruirá a vida de alguém. Todavia, na presença do Senhor, todos tem a mesma medida.

Efésios 4:13

Até que todos cheguem à unidade da fé e ao conhecimento do Filho de Deus, e cheguemos à maturidade atingindo a plenitude de Cristo.

Isso é: A medida de Jesus Cristo.

Deus não faz acepção de pessoa e ama a todos com a mesma intensidade.

Atos dos Apóstolos 10:34

E abrindo Pedro a boca, disse: Reconheço por verdade que Deus não faz acepção de pessoas.

Então quando vem o bem é para todos, da mesma forma quando chega o infortúnio, certamente é para todos. Vimos que o Senhor usa as coisas pequenas para confundir as grandes. Observemos um exemplo clássico no Antigo Testamento, quando Gideão foi chamado para realizar uma grande obra; imediatamente tentou argumentar uma desculpa vazia, e foi admoestado.

Juízes 6:14-15

14 – Então o Senhor olhou para Gideão e lhe ordenou: Vai com tua força que tu tens, vai libertar o povo de Israel das mãos de Midiã.

Ora eu sou o que te envia?

Ai de mim meu Senhor! Contestou-lhe Gideão.

Como posso salvar a Israel?

Eu sou o menor do meu clã e o mais pobre de Israel? Eu sou a pessoa menos importante da minha família!

16 – Mas Deus afirmou: Eis que estarei contigo e tu vencerás os midianitas como se fossem um só homem.

O homem é tendencioso a dar desculpas para Deus, porque dentro de si não quer compromisso; e gosta de permanecer na degradação do pecado. Usa todo argumento para livra-se. Com tudo, quando descobre o prazer de está na presença poderosa do criador de todas as coisas, começa a trabalhar com toda alegria.

Que Deus vos abençoe rica abundantemente.

Presbítero Robson Colaço de Lucena

Missão América

Seguir a Jesus

Julho 16, 2015

Seguir a Jesus Cristo

Lucas 9:23

Disse Jesus: Se alguém quer vir após mim, a si mesmo se negue, dia a dia tome a sua cruz e siga-me.

Hoje encontramos muitos que dizem ser seguidores de Jesus Cristo. Mas não negam a si mesmo. Ou Seja:

  • O desejo carnal;
  • A prática do pecado;
  • O mundo e etc.

É tanto que o apostolo João fez a seguinte citação.

I João 2:15-16

15 – Não ameis o mundo nem as coisas que há no mundo. Se alguém amar o mundo, o amor do pai não está nele.

16 – Porque tudo que há no mundo, a concupiscência da carne, a concupiscência dos olhos e a soberba da vida, não procedem do Pai, mas do mundo.         

Então, quem serve ao mundo não é seguidor de Jesus Cristo. Agora pergunto; “Você é seguidor de Cristo, ou do mundo?”

Mateus 6:33

Disse Jesus: Buscai pois, em primeiro lugar o Reino de Deus e a sua justiça, e todas essas coisas vos serão acrescentada.

Por incrível que pareça, tem pessoas que querem seguir a Jesus, e não perdoam. Mas querem ser perdoadas; e tanto que Jesus foi enfático no Evangelho de Mateus quando ensinava a oração do Pai Nosso, citou:

Mateus 6:12

Perdoa as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido.

Essas pessoas ficam tão lançadas no pecado, que não perdoam elas mesmas. Isso é: “Carregam um sentimento de culpa.”

  • Levam uma vida:
  • Travada;
  • Mal humorada;
  • Angustiada;
  • Isolam-se;
  • Odeiam a tudo e a todos.

Todavia, perdoar e ser perdoado são as primeiras características de alguém que deseja palmilhar os passos de Jesus. Em segundo lugar tem que haver uma mudança de vida; tanto no âmbito material como no espiritual.

II Aos Coríntios 5:17

E assim, se alguém está em Cristo, é nova criatura; as coisas velhas se passaram; e eis que tudo se fez novo.

Notoriamente o falso cristianismo traz:

  • Erros na pratica religiosa;
  • Bebem;
  • Fumam;
  • Seguem a prostituição
  • Idolatria;
  • E segue as doutrinas do diabo.

Não existe mudança de atitudes; podemos ver uma citação clássica através do profeta Malaquias.

Malaquias 3:18

Então vereis outra vez a diferença entre o justo e o perverso, entre o que serve a Deus e o que não serve.

Quem serve a Deus se comporta de maneira diferente:

  • Foge do pecado;
  • Não se envolve com escândalos;
  • Não pratica as obra das trevas.

No Evangelho segundo Marcos está explicito um texto bem simples, mas que chama todos a uma responsabilidade diante de Deus.

Marcos 12:30

Amarás, pois, ao Senhor teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todo o teu entendimento, e de todas as tuas forças. Este é o primeiro mandamento.

Deve haver um compromisso profundo com Jesus Cristo. De forma que não pode ser um seguidor de qualquer maneira. Tem que ter frutos dignos de arrependimento e uma vida pautada no Seu santuário. Em diversas partes da Bíblia Sagrada encontramos muitas recomendações; e entre elas temos a seguinte.

Mateus 7:17-18-19-20

17 – Assim, toda arvore boa produz bons frutos, porém a árvore má produz frutos maus.

18 – Não pode a árvore boa produzir frutos maus, nem a árvore má produzir frutos bons.

19 – Toda árvore que não produz bom fruto é cortada e lançada ao fogo.

20 – Assim, pois, pelos frutos conhecereis.

Que o Senhor vos abençoe rica e abundantemente.

Presbítero Robson Colaço de Lucena

Missão América

Visite o site – http://www.missaoamerica.com

Quebrando o Julgo do Pecado

Julho 9, 2015

Quebrando jugo do pecado

Quem for Jugo é sinônimo de submissão, domínio, obediência e na maioria dos casos é considerado como escravidão. Em nosso pequeno estudo ele será citado como pecado.encontrado nesta situação é porque sem perceber, ficou acorrentado pelo diabo e carrega maldições que não são obrigados uma vez que Jesus Cristo nos libertou das trevas para a luz.

Perceba que é comum encontrar com pessoas:

  • Que o pai foi alcoólatra – E seguem o mesmo caminho;
  • A mãe era prostituta – E herdam a vergonhosa saga;
  • Outros os familiares viveram na idolatria – E dão continuidade a essa configuração;

Normalmente dizem: Meus pais morreram nesta religião, e eu também vou morrer. Então, o que é mais importante; “A tradição dos pais ou a vida eterna? Seguir a Jesus Cristo, ou a uma crença vulgar que não leva a nada?

Deus quer quebrar o jugo da maldição e pecado que cerca todos os homens e transforma-los em novas criaturas, verdadeiros cidadãos dos Céus. Vejamos um caso bem interessante que foi citado no livro do Profeta Jeremias.

Jeremias 18:3-4

03 – Desci a casa do oleiro, e eis que ele estava entregue a sua obra sobre as rodas.

04 – Como o vaso que fazia de barro se estragou nas mãos, tornou a fazer outro vaso, segundo bem lhe pareceu.

Se lêssemos todo o texto perceberíamos que Deus levou o profeta à oficina de um oleiro (homem que trabalha com fabrico de barro), e mostrou que aquele profissional ao ver o vaso com pequenas imperfeições, quebrava e fazia novamente. Mostrando figurativamente que Ele (Deus), assim também com a criatura humana, que durante a caminhada rumo à eternidade, é quebrado e refeito muitas vezes para chegar a uma perfeição.

Todavia no vaso de barro tem uma pequena particularidade; é que enquanto ele estiver mole, pode ser refeito milhares de vezes. Mas, ao passar pelo forno, fica duro e não tem como moldar novamente, porque se tentar vai quebra-lo, uma vez que o barro foi queimado.

Da mesma sorte acontece com os seres humanos, que durante a vida passa por muitos processos de quebrantamento e renovação. Contudo, após morrer que figuradamente é passar pelo forno; não existe mais como ser restaurado. Isso significa que só há dois caminhos na eternidade: Céu, ou inferno.

Provérbios 15:24

Para o sábio há um caminho que o leva para cima, a fim de evitar o inferno embaixo.

Dessa forma o Senhor alerta que não existe como sair da situação eterna após a morte. A condição será de salvo, ou condenado.

Hebreus 9:27

E, assim como aos homens está ordenado morrerem uma só vez, vindo depois disto o juízo.

Também no Evangelho.

Lucas 16:26

Disse Abraão ao rico: E além de tudo, está posto um grande abismo entre nós e vós, de sorte que os que querem passar daqui para vós outros não podem, nem os de lá passaram para nós.

Agora acaba com toda tese espírita sobre reencarnação, bem como a velha doutrina católica sobre purgatório; de maneira que morrendo o homem não tem como retonar a terra para dar continuidade a vida em outro carma, assim como sair do inferno. Já vimos anteriormente o seguinte versículo.

Provérbios 15:24

Para o sábio há um caminho que o leva para cima, a fim de evitar o inferno embaixo.

Então, na eternidade será predominante a salvação ou condenação. Mas, enquanto estamos no mundo presente podemos decidir qual o nosso futuro eterno. Sabendo, que Deus não tomará ninguém a força. O ser humana vai para o céu se quiser; em outra escolha irá para o inferna sem querer.

Zacarias 4:6

Prosseguiu ele e me disse: Esta é a Palavra do Senhor a Zorobabel; não por força nem por violência, mas pelo meu Espírito, diz o Senhor dos exércitos.

Notoriamente, o Senhor não usa do seu poder para influenciar a vida dos homens, tudo tem que acontecer de livre e espontânea vontade. Porém, enquanto permanecemos no planeta terra, devemos aceitar a Jesus Cristo como único salvador para sermos renovados deixando de lado a velha criatura pecaminosa que existe dentro de cada um para que assim possamos galgar dos privilégios que Ele preparou desde o principio da criação.

II Aos Coríntios 5:17

E assim, se alguém está em Cristo, é nova criatura; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo.

O jugo do pecado é a condição que o diabo deseja que todos os seres humanos estejam, para que o mesmo possa levar a condenação o maior numero de almas.

João 8:34

Disse Jesus: Em verdade, em verdade vos digo: Todo aquele que comete pecado é escravo do pecado.

É comum algumas pessoas que estão presas ao pecado, se converterem e continuarem se vangloriando no passado. Tem o maior prazer em dizer:

  • Eu era um drogado;
  • Era namorador
  • O pior de todos os bandidos.

Isso se torna um troféu para mostrar o poder que tinham na conquista do pecado. Quem testemunha desta forma, precisa ser quebrado para nascer com uma nova natureza espiritual. O passado de vergonha tem que ficar para trás. Deus não tem prazer em uma vida negligênte.

Miquéias 7:18-19

18 – Quem ó Deus, é semelhante a ti, que perdoas as iniquidades e te esqueces das transgressões do presente da tua herança?

O Senhor retém a tua ira para sempre, porque tem prazer na misericórdia.

19 – Tornará a ter compaixão de nós; pisadas aos teus pés as nossas iniquidades e lançarás todos os nossos pecados nas profundezas do mar.

Não devemos nos vangloriar dos atos vergonhosos, ou até de algumas virtudes que temos; e sim de Jesus e do Evangelho que molda a vida de todos os pecadores.

Gálatas 6:14

Mas longe de mim gloriar-me, senão da cruz de nosso Senhor Jesus Cristo pela qual o mundo está crucificado para mim.

Estamos vivendo na graça de Jesus Cristo, e liberto de satanás; não temos que levar a condenação eterna, porque o sacrifício propiciatório do Senhor nos dar livre acesso ao céu. A Bíblia diz:

João 8:36

Se pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres.

Não devemos andar nas paixões do pecado, sim; na presença do Espírito Santo.

Romanos 7:5-6

05 – Porque, quando vivíamos segundo as paixões pecaminosas postas em realces pela lei, operava em nossos membros, afim de frutificarem para a morte.

06 – Agora, porém, libertados da lei, estamos mortos para aquilo que estávamos sujeitos, de modo que sirvamos em novidade de Espírito em não na caduquice da letra.

Devemos honrar com esta dádiva que Deus nos outorgou, frutificar para o Espírito Santo; deixando de lado a velha tradição profana que herdamos dos nossos pais.

Que o Senhor vos abençoe rica e abundantemente.

Presbítero Robson Colaço de Lucena

Missão América

Dar a Deus

Julho 2, 2015

Dar o melhor a Deus

Na era da mídia em que a divulgação de todos os eventos pode ser acompanhado em tempo real, as pessoas aproveitam para divulgarem tudo, e muitas vezes professam algo relacionado a Deus; mas, na realidade não passa de falácia humana para expressar que estão bem com o criador do universo.

Todos os tipos de religião quer galgar deste privilegio, quando na realidade são promotoras de mensagens heréticas que distancia o ser humano do Senhor. Não estão honrando a Deus, na realidade provocam a ira divina. Vejamos o que o Senhor citou no Livro do Profeta Malaquias.

Malaquias 1:6-7

06 – O filho honra o pai, o servo, ao seu senhor. Eu sou o pai, onde está a minha honra?

E, se Eu sou  Senhor; onde está o respeito comigo?

Diz o Senhor dos exércitos a vós outros, ó sacerdotes que desprezais o meu nome vós dizeis: Em que nos temos desprezado o teu nome?

07 – Ofereceis sobre o meu altar pão imundo e ainda perguntais em que te havemos profanado?

Nisto, que pensais: A mesa do Senhor é desprezível?

Observe que o homem natural despreza o Senhor em todos os sentidos; ninguém fora dos evangélicos é capaz de amar a Deus em uma verdadeira essência espiritual.          Agora questiono: Você por acaso já chegou a presenciar uma nas outras religiões, procissão com faixas, músicas, glorificação somente a Deus. Claro que não. Falam no Senhor; mas, colocam hinos, imagens, altares para deuses pagãos, e outras criatura humanas. Todos os momentos desprezam a Deus e glorifica ídolos; existe uma diferença muito grande entre o que serve ao Senhor e o que odeiam as coisas santas.

Malaquias 3:18

Então, vereis outra vez a diferença entre o justo e o perverso, entre o que serve a Deus e o que não serve.

Devemos oferecer o que á de melhor para o Senhor; todo cristão conhece no Antigo Testamento a passagem que narra a vida de Caim e Abel. Caim oferecia o sobejo da sua plantação, enquanto Abel apresentava diante de Deus a primazia e o que tinha de melhor dos seus animais.

Gênesis 4:4-5

04 – Abel, por sua vez, trouxe das primícias de seu rebanho e da gordura deste. Agradou-se o Senhor de Abel e da sua oferta.

05 – Ao passo que Caim e de suas ofertas não se agradou. Irou-se, pois, sobremaneira Caim, e decaiu-lhe o semblante.

É típico do pecador oferecer a Deus a sobra que não quer mais; só procuram ao Senhor nos momentos de dificuldades. Todavia, a maior oferta que podemos oferecer ao Todo Poderoso é a nossa vida em agradecimento a todas as dádivas que Ele derrama na vida da humanidade.

Romanos 12:1

Rogo-vos, pois, irmãos, pela misericórdia de Deus, que apresenteis o vosso corpo por sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional.

O mundo está sendo reprovado porque não quer honrar a Deus, o que pode ocasionar uma eternidade de dor e sofrimento para os pecadores.

Malaquias 2:9

Por isso, também Eu vos fiz desprezíveis e indignos diante de todo povo, visto que não agradastes os meus caminhos e vos mostrastes parciais no aplicar da lei.

A nossa jornada na face da terra deve ter objetivos espirituais; praticando  tudo com excelência.

Colossenses 3:23

Tudo quanto fizerdes, fazei-o de todo o coração, como para o Senhor e não para homens.

Que Deus vos abençoe, rica e abundantemente.

Presbítero Robson Colaço de Lucena

Missão América

A escolha certa

Julho 2, 2015

A escolha certa

O mundo atual oferece muitas opções para um futuro prospero; temos direito a várias escolhas, como:

  • Cidades para morar;
  • Profissões para exercer;
  • Com que se casar e constituir família.

Mas , para a verdadeira felicidade e uma eternidade com Deus, só existe a Jesus Cristo. Isso porque o Senhor é único, ou singular. Por outro lado o homem pode optar também pelo diabo, mesmo não percebendo que está sendo enganado pelas suas falsas promessas e doutrina de destruição. E o resultado será de dor, sofrimento e tristeza eterna.

Contudo, o Senhor não desiste da humanidade, e através de Jesus Cristo nos provou esse amor incondicional; e a continua investindo para que cada homem desperte para grande salvação. Vejamos um caso clássico no Livro do Apocalipse.

Apocalipse 3:20

Eis que estou à porta e bato; se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta, entrarei em sua casa e cearei com ele, e ele comigo.

Temos agora o maior de todos os convites para uma escolha perfeita, devemos aceitar a Deus e rejeitar ao pecado, para não nos perdemos na vida futura. E quanto a errar o caminho da salvação, é bem fácil basta tão somente negarmos a Jesus, começando assim um processo espiritual que pode custar bem caro aos desobedientes a Palavra.

Outra ação costumeira dos pecadores é confiar em si mesmo, pensando que são alto-suficientes diante de Deus, que dará um jeitinho brasileiro para entrar no céu. Todavia, não é bem assim que acontece. Somente Jesus é quem pode redimir a alma do pecado do ardor no lago de fogo e enxofre, e a escolha certa é o caminho que leva o homem a Deus.

João 14:6

Disse Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade, e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim.

Por falar em errar o caminho, conheço uma história, a do Padre Aldelir Antonio de Cali; que em uma atitude boa, que teve a iniciativa de manifestar uma ação benigna para a humanidade, e infelizmente deu em desastre; quando no dia 21 de abril de 2011, e resolveu voar preso em 1000 balões de festa, com o propósito de ir para a cidade de Paranaguá – PR, rumo à Ponta Grossa – PR. O padre estava com equipamento de comunicação top de linha, como: GPS, rádio amador e celular. Mas, o vento o levou em direção contrária jogando-o no oceano levando a perde-se e a tragédia de morte.

Da mesma sorte acontece com muitas pessoas na esfera espiritual, que são bem intencionadas com uma vida prospera, curso superior, vida financeiras equilibrada, mas não tem a Jesus. E com aparatos que os exaltam diante dos demais, e não põem a escolha certa em Jesus Cristo, para a eternidade.

Muitos se perdem por não escolher o caminho certo; abandonam em primeiro lugar a Palavra de Deus que é guia para a vida eterna, logo após perdem todo valor moral e espiritual e a tendência é levar uma vida indiferente a Deus. Mas, para os que querem acertar, o salmista escreveu o seguinte:

Salmo 119:105

Lâmpada para os meus pés é atua Palavra; e, luz para os meus caminhos.

Este versículo é para os que aceita a Bíblia como manual de vida; e para os que não querem viver no Espírito Santo, acontece algo terrível, como veremos no Evangelho de João.

João 12:48

Disse Jesus: Quem me rejeita e não recebe as minhas Palavras, tem quem o julgue; a própria Palavra que vos tenho proferido, essa o julgará no último dia.

Também:

João 3:19

A Condenação é esta: Que a luz veio ao mundo, e os homens amaram mais as trevas do que a luz; porque as suas obras eram más.

Por incrível que pareça a grande parte da humanidade recusar-se a ser guiada por Deus.

No Antigo Testamento encontramos uma passagem interessante, que o povo estava seguindo a deuses pagãos, e Josué convidou a todos para segui a Deus, e quem não quisesse poderia ficar a vontade para segui o caminho de trevas e condenação do paganismo.

Josué 24:15

Porém, se vos parece mal servir ao Senhor, escolhe, hoje, a quem sirvais: Se aos deuses a quem serviram os vossos pais que estavam dalém do Eufrates, ou aos deuses dos amorreus em cuja terra habita. Eu e a minha casa serviremos ao Senhor.

Lamentavelmente na nossa caminhada na terra nos deparamos com pessoas que querem servir a Deus e ao mesmo tempo continuam presas ao pecado deliberado. Em resumo, a melhor forma de exemplificar é que acendem uma vela para Deus, e outra para o diabo. Imaginando que estão bem espiritualmente, mas, na verdade estão totalmente arruinadas. Ninguém pode servir a dois senhores ao mesmo tempo, porque não há como agradar aos mesmos.

Lucas 16:13

Disse Jesus: Ninguém poder servir a dois senhores; porque ou há de aborrecer-se a um e amar a outro ou se devotará a um e desprezará ao outro. Não podereis servir a Deus e as riquezas.

Quando a Bíblia fala em riquezas não estão somente relacionados os bens materiais, mas as luxurias, pecados, demasias da carne e outros pecados relacionados à depravação do gênero humano.

Podemos amar a Deus e possuir riquezas; todavia, que o nosso coração coloque o Senhor em Primeiro lugar.

Mateus 6:21

Porque, onde estiver o vosso tesouro, ai estará também o vosso coração.

Que o amemos a Deus de todo nosso coração para que possamos ser feliz na vida presente, bem como na eternidade.

Presbítero Robson Colaço de Lucena

Missão América