Archive for Abril, 2016

Sujeitos ao Pecado

Abril 28, 2016

Sujeitos ao Pecado

Hoje estamos vivendo em iminente perigo de pecados, tendo em vista as armadilhas que cerca toda a humanidade e que expõem o ser humanado a tudo. Todavia, o maior risco e saber  que todos estão sujeitos a morrer e ninguém sabe o dia ou a hora.

Ao longo desse pequeno estudo iremos ver alguns agravante que são vilões; ou ferramentas nas mãos do diabo que pode fazer qualquer um errar diante de Deus.

Primeira Negligencia – “Deixar de ouvir a Palavra de Deus”. Que são inspiradas através do Espirito Santo e nos levam ao verdadeiro arrependimento a aceitação a Jesus Cristo como  único e suficiente salvador.

Romanos 8:14-15-16

14 – Pois, todos os que são guiados pelo Espírito de Deus são filhos de Deus.

15 – Porque não recebestes o espírito de escravidão, para viverdes outra vez, atemorizados, mas recebestes o Espírito de adoção, baseado no qual clamamos Aba, Pai.

16 – O próprio Espírito testifica com o nosso que somos filhos de Deus.

            Agora está explicito o motivo pelo qual os incrédulos não tem a certeza da salvação, e quando falamos em Deus eles ficam irritados. Lamentavelmente porque o espírito deles não testifica com o Senhor.

Se o Espírito de Deus estiver em primeiro lugar, não existe perigo para pratica do pecado.

Segunda Negligencia – “Não dar créditos ao sacrifício de Jesus”.

O sacrifício propiciatório de Jesus Cristo, é muito badalado na semana santa (para a Igreja Católica Romana), depois vem o silencio por mais um ano e a humanidade vive como se Deus não existisse. Temos que evidenciar e a amar o sacrifício que o Senhor outorgou em favor de todos os pecadores e acima de tudo colocar a gratidão em prática como sinal de arrependimento. O sangue de Jesus foi vertido em favor de todos e não existe como apagar essa Aliança Divinal.

Romanos 5:8

Mas, Deus prova o seu amor para conosco pelo fato de ter Cristo morrido por nós, sendo nós ainda pecadores.

Outro versículo maravilhoso:

I Epístola de João 1:7

Se, porém, andarmos na luz, como na luz ele está, mantemos comunhão uns com os outros, e o Sangue de Jesus, seu Filho, nos purifica de todo pecado.

A vitória dos pecadores está nesses dois substantivos, que Jesus outorgou:

1- Sacrifício;

2 – Sangue.

Temos que respeitar e até mesmo ser solidários com a dor e humilhação de Cristo ao nosso favor, e nunca ser indiferentes ao sacrifício que só nos trouxe o bem com  a certeza de uma eternidade ao lado de Deus, no céu.

Terceira Negligencia  – “Não ler a Bíblia Sagrada”. Um forte aliado que o homem tem para combater o pecado é o conhecimento da Palavra de Deus. Isso é: A afinidade com a leitura Bíblica promove esclarecimento espiritual e comunhão com o Senhor.

Perceba que o homem do século XXI, busca conhecimento em:

1 – Livros;

2 – Universidade;

3 – Internet;

4 – Sabedoria Milenar e etc.

Na maioria das vezes deixam de lado o verdadeiro saber que pode ser encontrado na Palavra de Deus. Não é pecado o conhecimento universitário ou secular; certamente pode tonar-se excelente ser for adicionado ao que a Bíblia mostra; uma vez que somos seres espirituais (temos espírito), e um dia iremos morrer, restando somente a prestação de contar das nossa obras diante de Deus. Não devemos colocar a invenções humanas acima do conhecimento do Senhor.

Romanos 1:25

Pois mudaram a verdade de Deus em mentiras, adorando e servindo a criatura em lugar do Criador, o qual é bendito eternamente. Amém!

Devemos buscar o conhecimento secular; mas, Deus tem que ser a primazia na nossa vida.

Isaías 34:16

Buscai no Livro do Senhor e lede; nenhuma  destas criaturas falhará: Porque a boca do Senhor o ordenou, e seu Espírito mesmo as ajuntará.

Perceba que muitos pregadores enfeitam seus sermões com coisas que não tem na Bíblia. Mostram mais as filosofias que a própria Palavra; e isso não é bom para aqueles que querem receber a salvação em Jesus Cristo.

I Aos Corintios 2:1-2

01 – Eu, irmãos, quando fui ter convosco, anunciando-vos o testemunho de Deus, não o fiz com ostentação ou de sabedoria.

02 – Porque decidi nada saber entre vós, senão Jesus Cristo e este crustificado.

            E no versículo 04, ele foi além.

I Aos Corintios 2:4

A minha palavra e a minha pregação não consiste em linguagem persuasiva humana, mas em determinação do Espírito de Poder.

Percebemos que o poder de Deus, não está limitado ao entendimento humano; somente na ótica do Espírito Santo poderemos discernir esse grande mistério do Senhor para com cada um dos que são obedientes a sua Palavra.

Quarta Negligencia  – Criar recomendação humanas, e tentar adicionar a Palavra de Deus. Pode-se dizer que é o estopim ou gatilho para cair nas armadilhas do diabo e pecar. Pode ser observado nas seguintes situações podem serem difundias pelas falsas religiões.

Que ensinam tudo,menos o Evangelho;

Combatem tudo, menos o pecado;

Levam a todos os lugares, menos ao Reino de Deus.

Vejamos o que diz a Bíblia:

II Aos Corintios 3:6

O qual habitou para sermos ministros de uma Nova Aliança, não a de letras, mas o Espírito Vivifica.

Não confundamos a quantidade, com qualidade. Basta olhar para uma árvore carregada de frutos amargo; certamente ninguém quer comer desses frutos, é pode ter muitos; mas, são rejeitados.

Vejamos que Jesus mencionou a respeito da sua Igreja.

Lucas 12:32

Disse Jesus: Não temas, meu pequenino rebanho, porque o Pai se agradou em vos dar o Reino.

Ele foi enfático quando colocou o termo “pequenino” (no diminutivo), mostrando que a Igreja que subirá ao céu é pequeno mesmo. E ainda é falado a segunda vez:

Mateus 22:14

Portanto, muitos são chamado, mas poucos, escolhidos.

Temos que lutar contra o pecado, confiando que Jesus Cristo é que traz todas as virtudes para os homens, e temos tão somente que perseverar no amor e obediência a Palavra de Deus.

 

Pr Robson Colaço de Lucena

CPBMA CPO – 10427

 

Não Para Deus – Pr Robson Colaço de Lucena

Abril 19, 2016

Não Para Deus

Na nossa caminhada diária sempre estamos dizendo não para Deus, e tentamos enganar a nós mesmo achando que falamos o sim. A prova do que escrevo, podemos observar, quando Ele fica fora dos nosso projetos, e quanto entra é colocado último lugar.

Normalmente quando prestamos culto de adoração; acontece no final do dia; da mesma maneira vem o culto do domingo, que embora seja no primeiro dia da semana, falamos que o fim de semana fora abençoado. Quanto a nossa oração, é sempre feita no termino do dia quando vamos nos deitar e dormir. ‘E porque não faze-la quando despertamos pela manhã?

Contudo, vale apena destacar que uma pequena parte dos salvo colocam o Senhor em primeiro lugar. No dia, semana e mês. Toda regra tem exceção; mas, comumente o número dos que negligenciam e falam não para Deus é maior que os que fazem a sua vontade.

Agora vamos entrar na Bíblia Sagrada e ver alguns casos de negação.

Mateus 8:21-22

21 – E outro dos seus discípulos lhe disse: Senhor, permite-me sepultar o meu pai.

22 – E Jesus, porém, disse-lhe: Segue-me, e deixa os mortos sepulta os seus mortos.

Perceba que aquele discípulo estava colocando os seus planos acima dos objetivos dos que Deus tinha para sua vida. Foi uma maneira de falar não para Jesus Cristo.

“Não” é: Um adverbio com a privação da nossa liberdade.

Quando falamos não para Deus, ficamos privados da sua graça e estamos recusando todas a bênçãos em nossa vidas material e espiritual. Vejamos outro caso acontecido na vida de Maria irmã de Marta que seguiam ao Senhor.

Lucas 10:39-40-41-42

39 – Tinha Marta uma irmã chamada Maria, e esta quedava-se assentada aos pés do Senhor e ouvir-lhes os ensinamentos.

40 – Marta agitava-se de um lado para o outro, ocupada com muitos serviços.

Então, se aproximou de Jesus e disse: Senhor, não te importa que a minha irmã tenha deixado que eu fique sozinha na cozinha? Ordena-lhe, pois, que venha ajuda-me.

41 – Respondeu-lhe o Senhor: Marta! Marta! Andas inquietas e te preocupas com muitas coisas.

42 – Entretanto, pouco é necessário ou mesmo uma só coisa: Maria, pois, escolherá a boa parte, e esta não lhe será tirada.

Notoriamente, Maria escolheu a melhor parte, que era ficar ao lado de Jesus. Por sua vez, o Senhor não mandou Maria negligencia as tarefas das casa. Mas, demostrou que tudo tem o seu tempo determinado, e não vale apena ficar sufocado com as coisas do presente.

Por sua vez, tem muitas pessoas que são assim; vivem com o coração divido tentando fazer a vontade de Deus, mas, presas ao mundo efêmero e pecaminoso.

Mateus 6:24

Ninguém pode servir a dois senhores; pois odiara a um e amará o outro, ou será leal a um e desprezará o outro. Não se pode servir a Deus a  mamom.

Servir ao mundo é uma maneira de falar “Não para Deus,” e a esfera espiritual, a mesma que um dia iremos está nela, que seja para gloria eterna (os salvos), ou a vergonha eterna (os desobedientes ao Senhor).

Tem um ditado popular que diz: “Acende uma vela para Deus, e outra para o diabo”. É verdade, tem pessoas que se comportam assim. Não fique pensando que negar ao Senhor é só quando fala-se: “Não!”.  Se um pessoa viver nos deleites carnais que o mundo oferece; certamente este negando ao Senhor.

I Epístola de João 2:15

Não ameis o mundo nem as coisas que há no mundo. Se alguém ama o mundo, o amor do Pai não está nele.

Para uma definição melhor do pecado, posso dizer com toda autoridade do Espírito Santo que: “O não a Deus é um desprezo ao seu amor imensurável”.

Outro exemplo explicito de negação pode ser observado na vida do Apostolo Pedro, que conhecendo intimamente a Jesus Cristo e tendo visto os grande milagre que Ele fizera; chegou a nega-lo covardemente, no momento que uma criada do sumo sacerdote chegou a falar que ele era seguidor do nosso Mestre.

Marcos 14:67-68

67 – Vindo Pedro aquecer-se, a criada do sumo sacerdote olhou bem para ele e disse: Você também estava com Jesus o Nazareno.

68 – Contudo ele o negou dizendo: “Não o conheço nem sei do que você está falando. E saiu para o alpendre.

Essa é a nossa tendência quando estamos com medo, ou até mesmo nas oportunidades que parecem trazer vantagem para o nosso corpo carnal. Negamos a Deus com a maior facilidade e achemos que estamos agindo naturalmente, quando na verdade as consequências sãos drásticas e muitas vezes irreversíveis. Temor que vigiar para não cairmos na condenação eterna.

Mateus 26:41

Disse Jesus: Vigiai e orai, para não cairdes em tentação. O espírito, com certeza está pronto, mas a carne é fraca.

Que o Senhor abençoe a você, rica e abundantemente.

 

 

Pr. Robson Colaço de Lucena

Conselho de Pastores CPB 10427